Thursday, November 20, 2008

Tudo depende

Tinha planeado passar este dia de folga a limpar a casa. E como a casa estava a precisar de uma limpeza. A gordura no fogão, os rolos de pó atrás das portas, a roupa por passar. Ia ser um dia em grande. E ainda tinha que fazer o jantar e ter tudo pronto antes das cinco para ir buscar os miúdos. Ai esta de vida de dona de casa. Estava eu neste exercício de vitimização e o bebé começou a ficar com febre. Quase não dormimos esta noite e, hoje, claro, nem pensar em levá-lo para a escola. Aqui está ele a maxilase e benuron, exigindo colo, gemendo baixinho, tossindo, choramingando. Olho-o tão caidinho, encostado ao meu peito, e só penso o que eu dava para estar antes a limpar as sanitas.

Labels:

3 Comments:

Anonymous Anonymous said...

Como te compreendo. Na auto-comiseração das lides domésticas e agora no desejo que elas tivessem sido despachadas. Por este lado também há bebés de 6 meses e mães trabalhadoras/domésticas. Talvez por isso goste tanto de espreitar as vossas vidas.
Força pequeno, recompõe-te rapidamente que para doente bastou a tua mãe! Força mãe, normalmente o ditado comprova-se: bate forte, mas passa depressa. ;-)
Susana

2:54 PM  
Blogger António Sengo said...

ooh q imagem tão turnorenta a do colo... este blog é sem dúvida um mimo.
as melhoras!

6:19 PM  
Anonymous Arcana said...

o destino feminino...

3:45 PM  

Post a Comment

Links to this post:

Create a Link

<< Home